A Diferença Entre Os Óleos De CBD, Sementes De Cânhamo E Canábis

Quando se trata do óleo de CBD, não há escassez de termos confusos e enganadores. Para complicar ainda mais as coisas, também há uma variedade de diferentes tipos de óleos, todos intimamente associados ao CBD. Tanto os utilizadores experientes como os novatos certamente que já encontraram os termos "óleo de semente de cânhamo" e "óleo de canábis" na sua pesquisa por informação relativa ao CBD. Para compreender como todos estes produtos diferem, é útil começar pela fonte — a espécie Cannabis sativa.

Fazer sentido dos diferentes óleos

C. sativa é uma classificação abrangente que inclui tanto as variedades de cânhamo como a canábis recreativa/medicinal (marijuana). O óleo de CBD e o óleo de semente de cânhamo provêm ambos do cânhamo, mas tiram partido de diferentes partes da planta. O óleo de canábis, por outro lado, provém exclusivamente da marijuana. E embora todos os três óleos provenham da mesma espécie, cada um tem um impacto diferente sobre o qual deve estar ciente. Tendo isto em consideração, está na altura de mergulhar nas propriedades gerais de cada tipo de óleo e dos seus potenciais efeitos.

O que é o óleo de CBD?

Comecemos pela categoria mais importante, o óleo de CBD. Para produzir óleo de CBD, as plantas de cânhamo passam pela trituração, extração, descarboxilação, filtração e destilação. O que permanece é uma fórmula concentrada dos compostos químicos da planta — canabinoides e terpenos. Neste caso, o canabinoide mais importante é o CBD, mas o cânhamo também contém um vasto espetro de outros compostos potencialmente benéficos. Uma coisa que o óleo de CBD não contém em valores significativos é o THC. De facto, para o óleo de CBD ser legalmente vendido na UE, este não pode conter mais de 0,2% de THC (uma quantia negligenciável). Assim sendo, não é possível que o óleo de CBD lhe dê "moca".

Os frascos de óleo de CBD apresentam diversos tamanhos, concentrações (%), e podem conter uma fórmula de espetro integral, espetro abrangente ou isolado. A concentração indica quantos miligramas do canabidiol (CBD) estão contidos por frasco, afetando a potência e a duração dos efeitos. Tipicamente, o CBD é misturado com azeite para melhorar a absorção quando consumido. No entanto, o CBD também é combinado com óleo de semente de cominho preto e óleo de semente de cânhamo para fornecer benefícios nutricionais secundários.

Vantagens do óleo de CBD

Os óleos de CBD contêm o canabinoide não psicotrópico canabidiol. Segundo a Organização Mundial de Saúde, o CBD tem "um bom perfil de segurança”, “sem quaisquer efeitos que indiquem abuso”. O canabinoide também demonstra resultados muito promissores no apoio a tratamentos para uma variedade de problemas de saúde, bem como possíveis melhorias no bem-estar geral. As propriedades do CBD aparentam ser impressionantes, mas ainda há muito a aprender sobre todo o potencial do canabinoide.

O que é o óleo de semente de cânhamo?

O óleo de semente de cânhamo é produzido comprimindo as sementes de cânhamo a frio, as quais não contêm quaisquer canabinoides. A não ser que um produto declare especificamente que contém CBD, este não fornecerá a mesma influência terapêutica do óleo de CBD. Os dois são facilmente confundidos porque tanto o óleo de CBD como o óleo de semente de cânhamo são derivados do cânhamo. A maioria das lojas de rua e supermercados terá óleo de semente de cânhamo devido ao seu elevado valor nutricional.

Vantagens do óleo de semente de cânhamo

De facto, apesar de o óleo de semente de cânhamo não conter qualquer CBD, isto não quer dizer que seja inútil. Não só é rico em antioxidantes, proteína e aminoácidos, como também contém ácidos gordos ómega 3 e 6. Como parte de uma dieta equilibrada, o óleo de semente de cânhamo é um valioso suplemento nutricional.

Devemos acrescentar uma nota final e mencionar que pode obter CBD misturado com um transportador de óleo de semente de cânhamo. Estes tipos de óleos combinam a influência terapêutica do CBD com os benefícios nutricionais do óleo de semente de cânhamo. Para evitar confusão entre os diferentes tipos de óleos, analise sempre os ingredientes de um produto. Pode ler mais sobre as diferenças entre os transportadores de azeite e de óleo de semente de cânhamo aqui.

O que é o óleo de canábis?

Produzido exclusivamente de variedades de marijuana, este tipo de óleo é rico em tetrahidrocanabinol (THC). Os óleos de canábis são considerados ilegais na maioria dos países devido aos efeitos secundários psicotrópicos que os acompanham. Alguns estudos sugerem que o THC pode ser útil no apoio do tratamento da náusea induzida pela quimioterapia (entre outras possíveis aplicações), mas para a vasta maioria dos utilizadores, os óleos de canábis não são adequados.

Habitualmente, o óleo de canábis contém algum CBD, embora seja frequentemente em quantidades mais reduzidas do que o óleo de CBD. Alguns óleos de canábis contêm um rácio 1:1 de CBD em relação ao THC, mas estes são maioritariamente vendidos em regiões onde a canábis recreativa é legal.

Para se certificar de que não está a comprar um óleo com níveis elevados de THC, confirme sempre que o produtor consegue verificar o conteúdo dos seus óleos através de testes efetuados por terceiros. Pode ver um exemplo dos resultados do nosso lote na nossa página Análise do CBD.

De que produto eu preciso?