As Melhores Formas de Tomar CBD

A explosão de popularidade do CBD resultou no desenvolvimento de numerosos novos produtos à base de CBD. Desde cremes tópicos até sumos de vaporização infundidos, os consumidores possuem agora uma ampla gama de opções de dosagem.

No que toca ao CBD, não existe uma forma única ideal para todos o consumirem . Pelo contrário, o melhor método de dosagem será uma escolha pessoal que se resume a factores como acessibilidade, viabilidade e preferências individuais. Eis alguns dos métodos mais comuns de consumir CBD.

Óleo de CBD

Os óleos de CBD são alguns dos produtos de CBD mais populares no mercado. São fáceis de transportar e simples de usar. Além disso, como foram alguns dos primeiros produtos de CBD disponíveis, os óleos ganharam a reputação de ser o método padronizado de consumir o CBD.

Alguns óleos podem ser tomados de forma sublingual, enquanto outros devem ser engolidos, geralmente a partir de um conta-gotas. Para quem não gosta do sabor, eles podem ser adicionados a uma variedade de comidas e líquidos para uma dosagem mais conveniente. Os óleos de CBD podem ser adicionados de forma segura e eficaz a qualquer alimento ou líquido que possa contê-los.

• Sublingual (sob a língua)

Aplicar o óleo de CBD sublingual é rápido e eficaz. Quando consumido de forma sublingual, os efeitos do CBD podem ser sentidos rapidamente. Isto torna-o especialmente atrativo para quem precisa de alívio imediato. Para administrar o CBD sublingual, coloque algumas gotas sob a língua e espere cerca de 60 segundos antes de engolir.

A dosagem sublingual funciona com a passagem do CBD pela membrana fina debaixo da língua diretamente na corrente sanguínea, economizando o tempo que levaria para passar pelo sistema digestivo se fosse engolido.

• Comestíveis

O óleo de CBD pode ser infundido na comida. Os comestíveis ganharam popularidade por serem uma opção de dosagem discreta. Se tiver o tempo e paciência, os comestíveis de CBD podem ser mesmo feitos em casa.

A vantagem principal de ingerir o óleo de CBD na sua forma comestível é a duração dos seus efeitos. Quando engolido e processado pelo estômago, os efeitos do CBD tendem a durar ainda mais do que quando administrado de forma sublingual. Isto deve-se em parte ao facto de demorar mais para processar o CBD com este método, já que ele é absorvido e processado gradualmente.

Cápsulas de softgel

As cápsulas de softgel são feitas ao inserir óleos de CBD em cápsulas de gelatina dissolvíveis. As cápsulas são especialmente convenientes para quem não gosta do sabor do óleo de CBD, ou querem usá-lo na rua. Muitas cápsulas não têm odor nem sabor, podendo ser consumidas discretamente e convenientemente.

Muitas cápsulas de softgel são feitas de forma a que terminem de se desagregar após deixar o estômago e entrar no intestino. Isto ajuda a manter uma maior concentração de CBD, pois menos será perdido no estômago.

Óleo de CBD com lipossomas

Os lipossomas são pequenas bolsas de tecido adiposo que podem ser misturadas com outras substâncias. São usados há muito tempo como transportadores de nutrientes, ajudando na digestão e metabolização. No que toca ao CBD, a adição de lipossomas aumenta a entrega e absorção do canabidiol pelo corpo.

Os cientistas presumem que os lipossomas podem ajudar aqueles que não têm os recetores de canabinoide necessários para processar o CBD completamente. Para essas pessoas, os efeitos do CBD serão sentidos apenas parcialmente. Porém, os lipossomas podem ajudar a absorver melhor o CBD, e portanto sentir os seus efeitos completos. Como algumas cápsulas de gel, os lipossomas protegem o CBD durante o seu percurso através do estômago, e vão mais além ao ajudar a absorção pelas células que o CBD pretende atingir. O resultado é uma experiência de CBD mais forte e rápida.

CBD com minerais e vitaminas adicionais

Alguns pacientes podem preferir misturar o seu CBD com vitaminas e minerais adicionais para obter efeitos adicionais. Quando combinado com outros anti-inflamatórios naturais como curcumina e alho, o CBD pode agir como parte essencial de um regime natural anti-inflamatório. Além disso, ao ser misturado com quantidades pequenas de vitaminas essenciais como vitamina C e D, o CBD pode ajudar como parte importante de uma rotina diária de suplementação.

Cremes de CBD

Loções, pomadas e cremes com infusão de CBD são usados para manter a pele jovem e saudável, assim como para tratar uma série de condições da pele. Os cremes com infusão são aplicados diretamente na pele como parte de um regime saudável, ou em áreas problemáticas para oferecer efeitos localizados. Ali, o CBD será absorvido e processado através de recetores de canabinoides na pele, mas não chegará à corrente sanguínea. Os cremes podem ser aplicados ao mesmo tempo que o CBD é consumido oralmente (ou o contrário) para aumentar o efeito, oferecendo alívio por dentro e por fora.

Líquidos para vaporização

Quando o assunto é vaporizar CBD, é extremamente importante saber que a maioria dos óleos convencionais de CBD não são adequados para vaporização. Isto acontece porque os óleos de CBD feitos para ingestão geralmente usam um óleo gorduroso como transportador, como azeite ou óleo de cânhamo. Ambos contêm lipídios. Os lipídios são completamente seguros para ingerir como parte de uma dieta equilibrada mas podem causar grandes danos nos pulmões se inalados como vapor.

O Óleo de CBD da Cibdol NÃO é adequado para vaporização.

Se deseja vaporizar, são necessários E-Líquidos CBD especializados, que podem ser vaporizados com a maioria dos vaporizadores e cigarros eletrónicos convencionais.

Existem muitas opções de vaporização adequadas às suas preferências, por funcionalidade, preço e portabilidade. Os óleos de CBD vaporizáveis vêm em vários tipos de concentrações, oferecendo mais flexibilidade na hora de vaporizar.

De que produto eu preciso?