Quanto Tempo é que o CBD Permanece no Seu Sistema

Quanto Tempo é que o CBD Permanece no Seu Sistema

O CBD está a tornar-se cada vez mais popular. Com cada vez mais pessoas a utilizarem suplementos de CBD, muitas têm dúvidas sobre quanto tempo os produtos de CBD permanecem no corpo após o seu consumo. Abaixo, explicaremos como o corpo processa o CBD, o que é a meia-vida da substância e muito mais.

Como funciona o CBD

O CBD funciona principalmente interagindo com o sistema endocanabinoide, uma rede reguladora que mantém o corpo a funcionar no seu melhor. Ao contrário de outros canabinoides, o CBD não se liga diretamente aos recetores do SE, funcionando nos bastidores para proporcionar os seus efeitos únicos.

A situação fica um pouco mais complicada porque pode tomar o CBD numa variedade de formas diferentes, com o método de administração a desempenhar um papel central na forma como o composto é metabolizado (decomposto e distribuído pelo corpo).

Se toma CBD oralmente, por exemplo, este tem de passar pelo sistema digestivo antes de surtir efeito. Todavia, quando ingerido sublingualmente (sob a língua) ou inalado com um vaporizador, o CBD consegue contornar o sistema digestivo e surtir efeito mais rapidamente.

Como é processado o CBD?

Uma vez consumido e absorvido, o CBD viaja até ao fígado onde é metabolizado numa variedade de compostos que as suas células podem utilizar. Este metabolismo é executado pelo mesmo grupo de enzimas responsável por decompor sensivelmente 60% de todos os medicamentos disponíveis no mercado.

A partir do fígado, os metabolitos de CBD deslocam-se pelo corpo, onde podem interagir com uma ampla variedade de recetores.

Embora isto descreva a jornada básica do CBD, aquilo em que estamos interessados é durante quanto tempo dura a interação entre os metabolitos de CBD e os recetores — durante quanto tempo o CBD permanece no seu sistema. Para compreender isso, temos de explicar o conceito de "meia-vida".

O que é a meia-vida?

A meia-vida é o termo utilizado para medir a quantidade de tempo que um composto demora a ser reduzido a metade da sua quantidade ou eficácia original no corpo. Isto é aferido medindo o plasma sanguíneo dos metabolitos do composto em questão. A partir do plasma, os metabolitos do medicamento são removidos do corpo ou deslocados para outro tipo de fluído corporal.

A meia-vida é tipicamente medida administrando uma única dose de um composto, de seguida testando o plasma sanguíneo em busca de vestígios do medicamento em intervalos regulares. A quantidade do medicamento no plasma habitualmente aumentará, atingirá um pico e, finalmente, começará a decair.

Utilizando a informação obtida enquanto se mede a meia-vida do CBD, os cientistas podem compreender durante quanto tempo o CBD permanece no corpo. Não o pode fazer sozinho em casa, mas podemos utilizar os dados dos cientistas para fornecer um intervalo de tempo geral.

Durante quanto tempo é que o CBD permanece no seu sistema?

A meia-vida exata do CBD não é 100% clara, mas podemos explorar alguns dos estudos existentes. Há evidências que sugerem que o CBD tem uma meia-vida de sensivelmente 2–5 dias. Estas baseiam-se num estudo que envolveu 14 pacientes com a doença de Huntington. Os pacientes foram administrados com doses de cerca de 700mg de CBD por dia durante 6 semanas. Note que estas doses são muito maiores do que uma dose normal recomendada.

Noutro estudo, a meia-vida do CBD foi avaliada tendo como base uma única dose na quantidade de 20mg e 18,8–19,4mg administrada intravenosamente e fumada, respetivamente. A meia-vida foi consequentemente estimada em 18–30h e 27–35h.

Contudo, apesar de ser importante, este intervalo de tempo variará de pessoa para pessoa. O tempo que o CBD permanece no seu sistema também será afetado por vários fatores biológicos, bem como pela forma como o consome.

Regra geral, quanto mais eficiente o método de consumo, mais rápido o CBD é processado e mais rapidamente sai do seu sistema. Por conseguinte, voltando ao nosso exemplo inicial, o CBD consumido oralmente deve permanece no seu sistema durante mais tempo quando comparado com a aplicação sublingual ou vaporização. É um equilíbrio delicado, e terá de ir experimentando para encontrar o que funciona para si.

Quanto Tempo é que o CBD Permanece no Seu Sistema

O que afeta a meia-vida do CBD?

Sempre que falamos sobre o metabolismo de qualquer composto, é essencial perceber que cada corpo é ligeiramente diferente e que há vários fatores biológicos que podem influenciar a sua capacidade de processar compostos como o CBD.

Estes incluem:

• Gordura corporal

O CBD é solúvel em gordura, portanto, uma pequena porção pode ficar armazenada nas células de gordura. O canabinoide pode permanecer no seu sistema um pouco mais se tiver uma percentagem alta de gordura corporal.

• Eficiência do seu metabolismo

O nosso metabolismo é uma combinação de reações químicas, uma das quais inclui a conversão de alimentos em energia. Quanto mais rápido for o seu metabolismo, mais rápido as substâncias (incluindo o CBD) são decompostas, processadas e eliminadas.

• Método de consumo

A forma como consome o CBD não só altera a potência, mas também a duração dos efeitos. O método de consumo também anda lado a lado com a biodisponibilidade. Falando de forma geral, os métodos de administração com maior biodisponibilidade também sairão mais rapidamente do seu sistema.

• Quantidade de CBD consumido

Quanto mais CBD consumir, mais tempo o seu corpo demora a processá-lo. Contudo, tenha cuidado, as doses altas podem produzir efeitos secundários suaves, portanto, é essencial encontrar o que funciona para si.

• Pureza e potência do óleo/suplemento que está a utilizar

Quanto maior a concentração de um óleo ou suplemento de CBD, mais tempo o fígado demorará para processá-lo e mais tempo os ingredientes ativos permanecerão no seu sistema.

Durante quanto tempo é que o CBD permanece no seu sistema — conclusão final

O CBD é um composto muito único e complexo que pode afetar todos de forma ligeiramente diferente. Infelizmente, os estudos ainda não conseguiram precisar a meia-vida exata do canabinoide. A meia-vida do CBD pode ser estimada entre as 18 e 35 horas, enquanto outros estudos sugerem que a meia-vida do CBD poderá durar até 5 dias.

No entanto, não se esqueça que estes valores são aproximados. Conforme mencionámos antes, há inúmeros fatores diferentes que podem influenciar a taxa à qual o seu corpo processa e metaboliza compostos como o CBD. Até que outros estudos analisem mais aprofundadamente a meia-vida do canabidiol, estes valores são os mais aproximados de que dispomos.

De que produto eu preciso?
As Seen On: